Gerando Vidas – Cestas básicas para gestantes

Programa de Fornecimento de Cestas Básicas para Gestantes

Objetivo:

Trata-se de um programa de distribuição de cestas básicas complementar nutricional a mãe gestante, durante o 6° mês de gestação até o 2° mês após o parto. Além das cestas básicas as mamães também recebem o kit maternidade que é entregue junto com uma bolsa e uma necessaire confeccionada pelas costureiras do Programa Costurando os Sonhos. O intuito do projeto é garantir a realização de pré-natal, auxiliando a prevenção da taxa de mortalidade infantil.

 

Imagem I – Alimentos Não Perecíveis que Compõe as Cestas

A cesta de alimentos não perecíveis inclui: 2 (dois) pacotes de Arroz de 5kg, 1 (uma) caixa de aveia, 1 (uma) lata de ervilha, 1 (um) extrato de tomate, 2 (dois) frascos de óleo de soja, 1 (uma) goiabada 300g, 2 (duas) latas de sardinhas, 4 (quatro) caixas de leite integral, 1(um) pacote de açúcar 5kg, 1 (um) pacote de macarrão 500g, 2 (dois) pacotes de feijões carioquinha 1kg e 2 (duas) torradas integrais 142g.

 

Imagem II – Alimentos Perecíveis que Compõe as Cestas

A cesta de alimentos perecíveis inclui: 1 (um) kg de banana nanica, 1 (um) kg de batata doce, 1 (um) kg de cenoura, 1 (um) maço de hortaliça, 1 (um) kg de laranja, 1 (um) kg de maçã gala, 1 (uma) cartela c/ 12 ovos, 1 (um) kg de filé de frango e 1 (um) kg de coxão mole bovino.

 

Imagem III – Mamães Recebendo o Kit Maternidade

03 (três) mamães cadastradas no programa Gerando Vidas recebendo o kit maternidade.

 

Imagem IV – Kit Maternidade

Esse kit é composto por 1 (uma) bolsa, 1 (uma) nécessaire, 1 (uma) máscara de proteção, 1 (um) pacote c/50 fraldas, 1 (um) sabonete para bebê, 1 (um) pacote de toalhas umedecidas, 1 (uma) pomada para assaduras e 1 (uma) caixa de cotonetes.

 

Atualmente no município de Jaborandi 1,69% das residências entrevistadas possuem gestantes. Segundo o levantamento do Censo Municipal Jaborandi 2021, que foi realizado no dia 5 de janeiro até o dia 15 de fevereiro de 2021.

Com isso no dia 19 de janeiro de 2021, teve aprovado pela Câmara de Vereadores a Lei n°2.272/2021, que visa a revitalização do projeto que já havia sido aprovado (em 1993), na primeira gestão do então prefeito, Silvio Vaz. A partir disso houve uma ampliação do projeto de cestas básicas complementar nutricional a mãe gestante, que agora passará a receber durante o 6° mês de gestação até o 2°mês após o parto.

Essa cesta será composta por legumes, frutas e verduras. Contendo também uma cesta alimentar completa, além de uma cesta higiênica para o bebê, mais um vale que dará o direito ao 1kg de frango e 1kg de carne, que poderá ser retirado no mercado local, parceiro da prefeitura.

Esse projeto também tem o intuito de garantir a realização de pré-natal, auxiliando na prevenção da taxa de mortalidade infantil.

As primeiras entregas de cesta ocorreram logo pela manhã do dia 3 de fevereiro, onde esteve presente a Secretária Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, Ana Cristina Chaboli e o atual Prefeito Silvio Vaz de Almeida.

Ao realizar a entrega da primeira cesta para a mãe gestante, o então prefeito Silvio Vaz de Almeida, comentou:

“Estamos aqui cumprindo mais uma promessa, que é cuidar das nossas crianças jaborandienses deste o ventre da mãe, e cuidar da saúde da mamãe. Já que ao se alimentar bem, a mamãe estará cuidando da saúde do seu filhinho.”

Para encerrar essa manhã repleta de fortes emoções, a secretária e responsável pelo projeto, Ana Cristina finalizou: “Gerando Vidas, esse é o novo projeto que irá cuidar da alimentação da mamãe e da higiene do bebê, e garantir o bem estar da família jaborandiense”.

Lei Municipal
Clique para ver

Galeria

Acompanhamento

Concepção e descrição do projeto
100 %
Execução
100 %
Aprovação pelos orgãos
100 %

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *